“Predicados que deve ter o professor de piano:

    Sobre todos os ramos da instrução, a arte do ensino de piano exige do indivíduo que a exerce (além do grau de ciência adquirida)
outros dons especiais: uma paciência rara, grande abnegação, bondade, afabilidade e dedicação.

    O professor deve ter um espírito esclarecido e sagaz, pronto a analisar o caráter e o temperamento musical do seu discípulo,
corrigindo rapidamente os seus defeitos e esforçando-se pelo desenvolvimento de suas qualidades.

    Deve ainda o professor, tanto quanto lhe seja possível, ser ao mesmo tempo,
bom executante e bom harmonista afim de que lhe seja permitido demonstrar o seu ensino,
não só pela pratica do instrumento, executando ele próprio os exercícios ou trechos,
mas ainda pela teoria harm√īnica, sem a qual fica incompleto qualquer estudo.‚ÄĚ

Texto (?)